Documentário | Colorido | Digital | 55 min | 2021 | MT

Direção: Divino Tserewahú

Classificação: Livre


Programação

MÉDIA | MOSTRA HISTÓRICA 24/06 | sexta | 20h

SINOPSE

O documentário revela o impacto do Coronavírus em uma das populações indígenas mais atingidas pela doença no país. Narrado em primeira pessoa por Divino, o filme destaca a luta desesperada de sua aldeia, Sangradouro, ao leste de Mato Grosso, para sobreviver à mais trágica epidemia conhecida pela nação Xavante. Através de materiais de arquivo e imagens captadas por Divino durante a pandemia, o filme procura relacionar um passado traumático com a realidade da Covid-19 nas aldeias Xavante.

Ao documentar os rituais de reverência aos mortos e o luto pela partida de dezenas de anciãos e líderes da aldeia Sangradouro durante a pandemia, Divino Tserewahú contrapõe em seu filme ABDZÉ WEDE’Ö um rico imaginário de beleza, saberes e força espiritual que caracteriza a cultura Xavante, ecoando sob forma de metáfora, a pergunta que não quer calar: O vírus tem cura?


Mais detalhes

Etnia: Xavante
Direção: Divino Tserewahú
Produção executiva, roteiro e direção de fotografia: Divino Tserewahú
Trilha sonora: Música Xavante, M.Covas Tserewawe  e Pedro Sá Moraes
Mixagem: Everson Vilela
Montagem: Divino Tserewahú e Vitor Campanário
Assistência de montagem: Sofia Costa e Elisa Campanário
Consultor Audivisual: Joel Pizzini
Empresa Produtora: Polofilme
Produção associada: Polofilme e Raccord Produções
Colaboração: Belisário Franca/Giros Filmes