Documentário | Colorido | Digital | 61 min | BOLÍVIA | 2019

Direção: Miguel Hilari

Sinal Disponível: 22/06 às 14:00 até 05/07 às 23:59


Programação

LONGA E CURTA | MOSTRA EDUCAÇÃO 25/06 | sábado | 18h

SINOPSE

Este documentário resultou de um convite para registrar a tradicional festa dos mortos, na comunidade Compañía, uma pequena aldeia na montanha boliviana, de onde muitas pessoas saem para viver na cidade, mas retornam sempre para honrar a memória de seus mortos. Durante três anos, Miguel Hilari volta para gravar vivências e diferentes acontecimentos durante a festa. Longos planos fixos, abertos, melodias tocadas coletivamente configuram um ritmo do tempo que antagoniza com a velocidade 24/7 do tempo urbano que desconhece pausas, silêncios e a escuridão legítima da noite. Durante a festa dos mortos, as pessoas podem ouvir as vozes daqueles que já não estão mais lá, criando contatos entre passado e presente. Ritos aymaras e evangélicos convivem durante a festa em espaços e tempos diferentes. Compañía oferece uma visão sensível atualizada que não romantiza a vida no altiplano, nem nega suas conexões com outras formas de organização social claramente marcadas pela colonização.

 

*Melhor média-metragem, Visions du Réel, 2019
*Melhor filme internacional, FIDOCS 2019
*Prêmio “Alanis Obomsawin” melhor documentário, Imagine NATIVE 2020
*Melhor montagem, Festival Diablo de Oro Oruro 2020

FILME COM LEGENDAS EM PORTUGUÊS


Mais detalhes

Direção e Fotografia: Miguel Hilari

Montagem: Miguel Hilari, Gilmar Gonzáles, Joaquín Tapia

Coloração: Pablo Paniagua

Mixagem: Eduardo Chávez e José Antonio Villegas