O PASSADO, A MEMÓRIA E O FUTURO ESTÃO NO FOCO DOS DEBATES DESTA SEXTA

A programação reflexiva da 16a CineOP segue intensa nesta sexta, dia 25 de junho. Além dos debates do Encontro da Educação: XIII Fórum da Rede Kino e o 16o Encontro Nacional de Arquivos e Acervos Audiovisuais Brasileiros, o público poderá conferir também uma roda de conversa da Temática Histórica e duas Masterclasses Internacionais. Todas as discussões têm transmissão pelo site www.cineop.com.br.

Temática Histórica

“O passado segundo as imagens dos anos 90” é o tema do debate da Temática Histórica que será realizado nesta sexta, às 12 horas. A discussão abordará como os filmes brasileiros dos anos 90 olharam para o passado do país, sobretudo quando envolvia figuras históricas de diferentes naturezas, contextos e implicações, retornando a décadas ou séculos anteriores, em um processo de investigação, mitificação e exumação dos vestígios e resíduos de outros tempos com a lupa do fim do século XX.  Como as escolhas de certos momentos históricos e de certas personagens ajudam a entender a década de 90, a situação ampla do país naquele momento e a circunstância específica do cinema brasileiro? Para responder esta e outras questões, participam do debate Hugo Sukman – jornalista, escritor, roteirista e crítico de cinema | RJ; Luiz Zanin Oricchio – jornalista e crítico de cinema | SP e Sheila Schvarzman – doutora em História Social e professora do PPGCOM-UAM | SP. A mediação será de Cleber Eduardo – curador da Temática Histórica | SP.

Encontro da Educação: XIII Fórum da Rede Kino

Destaque deste ano da Temática Educação, a pesquisadora e professora de cinema chilena Alicia Vega ministra, às 10 horas, a Masterclass Internacional “Como ensinar cinema às crianças?”. Na atividade, Alicia dialoga com o cineasta chileno Ignacio Agüero, que registrou seu Taller de cine em 1987, uma das 35 oficinas de cinema que realizou durante sua vida nos bairros mais vulneráveis de Santiago de Chile. Em 2000, ela recebeu o “Reconhecimento de Mérito Artístico e Cultural” concedido pela Divisão de Cultura do Ministério da Educação do Chile. Recentemente foi criada a Fundação Alicia Vega e, neste ano, está lançando três livros: “Linguagem do cinema”, “Os filmes” e “Doze jogos”, escritos à mão e com um formato lúdico. Alicia afirma que a aprendizagem de cinema como espaço democrático devolve a dignidade às crianças. A Masterclass será mediada por Adriana Fresquet – curadora Temática Educação | RJ.

16o Encontro Nacional de Arquivos e Acervos Audiovisuais Brasileiros

Às 10 horas, os convidados Dalton Martins, UnB/Projeto Tainacan| DF; Ana Pessoa, do Mídia Ninja e Fora do Eixo| RJ; e Anápuàka Tupinambá, da Rádio Yandê e Rede de Cultura Digital Indígena|RJ estarão virtualmente reunidos para o debate “A preservação de conteúdos nas redes sociais”. A discussão abordará a proliferação das redes sociais que caracteriza o século 21 e a quantidade de material produzido diariamente nesses ambientes. O Brasil está atrasado em políticas nessa área, pois a intensa produção não está no escopo de prospecção de instituições tradicionais de patrimônio audiovisual. O debate terá mediação do sociólogo e escritor Mário Augusto Medeiros da Silva | SP

Na sequência, às 14 horas, o público poderá acompanhar a masterclass internacional “Estratégias para o digital no Eye Filmmuseum e na Fiaf”, com Anne Gant, chefe de Conservação de Filmes e Acesso Digital da principal iniciativa de patrimônio audiovisual nos Países Baixos. Principal instituição de patrimônio audiovisual dos Países Baixos, a Eye Filmmuseum é pioneira nos usos de ferramentas digitais em suas estratégias de exibição de pré-cinema e cinema expandido. A atividade abordará ainda as pesquisas e publicações realizadas pela Comissão Técnica da Fiaf, como a publicação deste ano, Declaração digital 3 – restauração, manipulação, tratamento de imagem e ética. A Masterclass será mediada por Ines Aisengart Menezes – curadora da Temática Preservação | SP.

Encontro de Cinema

Às 18 horas, as cineastas Ana Carolina – diretora de Amélia | RJ, Carla Camuratti – diretora de Carlota Joaquina – Princesa do Brazil | RJ e Lúcia Murat – diretora de Brava Gente Brasileira | RJ participam do Encontro de Cinema – Roda de Conversa “Revisão dos mitos de formação”. Geralmente os mitos de formação de um país positivam seus eventos fundadores, elegem seus pais fundadores e buscam criar um consenso coletivo entorno de episódios paradigmáticos. Filmes como Carlota Joaquina – Princesa do Brazil, Amélia e Brava Gente Brasileira desmontaram as teses mais conciliatórias sobre a formação do Brasil. A mediação será de Marcelo Miranda – crítico de cinema | MG.

SOBRE A CINEOP

Pioneira desde sua criação (2006), a enfocar a preservação audiovisual, história, educação e a tratar o cinema como patrimônio, a CineOP – Mostra de Cinema de Ouro Preto chega a sua 16a edição, de 23 a 28 de junho de 2021, no formato online e reafirma seu propósito de ser um empreendimento cultural de reflexão e luta pela salvaguarda do rico e vasto patrimônio audiovisual brasileiro em diálogo com a educação e em intercâmbio com o mundo.

Estrutura sua programação em três temáticas: preservação, história e educação. Durante seis dias de evento, o público terá oportunidade de vivenciar um conteúdo inédito, descobrir novas tendências, assistir aos filmes, curtir lives musicais, trocar experiências com importantes nomes da cena cultural, do audiovisual, da preservação e da educação, participar do programa de formação que oferece oficinas, masterclasses internacionais e debates temáticos. Tudo de graça pelo site www.cineop.com.br.

Acompanhe a 16a CineOP e o programa Cinema Sem Fronteiras 2021.

Participe da Campanha #EufaçoaMostra

Na Web:www.cineop.com.br / www.universoproducao.com.br

No Instagram: @universoproducao

No YouTube: Universo Produção

No Twitter: @universoprod

No Facebook: cineop / universoproducao

No LinkedIn: universo-produção

SERVIÇO

16a CINEOP – MOSTRA DE CINEMA DE OURO PRETO

23 a 28 de junho de 2021

LEI FEDERAL DE INCENTIVO À CULTURA

Patrocínio: Instituto Cultural Vale, Cedro Mineração, Cemig|Governo de Minas Gerais

Parceria Cultural: Sesc em Minas, Prefeitura de Ouro Preto, Casa da Mostra e Instituto Universo Cultural

Apoio: Universidade Federal de Ouro Preto, Parque Metalúrgico Augusto Barbosa, Rede Minas, Rádio Inconfidência, Canal Brasil e Café 3 Corações

Idealização e realização: Universo Produção

Secretaria Especial de Cultural / Ministério do Turismo / Governo Federal Pátria Amada Brasil

PROGRAMAÇÃO GRATUITA PELO SITE WWW.CINEOP.COM.BR

  • ABERTURA OFICIAL
  • EXIBIÇÃO DE FILMES – LONGAS, MÉDIAS E CURTAS
  • PRÉ-ESTREIAS E MOSTRAS TEMÁTICAS
  • MOSTRINHA
  • MOSTRA VALORES
  • SESSÕES CINE-ESCOLA
  • ENCONTRO NACIONAL DE ARQUIVOS E ACERVOS AUDIOVISUAIS BRASILEIROS
  • ENCONTRO DA EDUCAÇÃO: XIII FÓRUM DA REDE KINO
  • DEBATES, DIÁLOGOS E RODAS DE CONVERSA
  • OFICINAS
  • MASTERCLASSES INTERNACIONAIS                   
  • EXPOSIÇÃO VIRTUAL “MEU CARTÃO POSTAL DE OURO PRETO”
  • PERFORMANCE AUDIOVISUAL
  • SHOWS

ASSESSORIA DE IMPRENSA

ETC Comunicação | (31) 99742.7874 – Luciana d’Anunciação | luciana@etccomunicacao.com.br | (31) 99120.5295 | (31) 99752-4058 – Pollyanna Alcântara | assessoria@etccomunicacao.com.br | Jihan Kazzaz |jihan@etccomunicacao.com.br

Universo Produção| (31) 3282.2366/ 9 9534-6310 – Laura Tupynambá | imprensa@universoproducaocom.br

Fotos: https://www.flickr.com/photos/universoproducao/

Produção de textos: Marcelo Miranda e ETC Comunicação